Regenerados pelo sangue de Jesus

Nesta manhã, o Senhor anseia por um encontro com você.

"Entrou Jesus em Cafarnaum. Um centurião veio a ele e lhe fez esta súplica: Senhor, meu servo está em casa, de cama, paralítico, e sofre muito. Disse-lhe Jesus: Eu irei e o curarei. Respondeu o centurião: Senhor, eu não sou digno de que entreis em minha casa. Dizei uma só palavra e meu servo será curado. Ouvindo isto, cheio de admiração, disse Jesus aos presentes: Em verdade vos digo: não encontrei semelhante fé em ninguém de Israel" (Mt 8,5-8;10).

Todos os dias, na santa Missa, você faz a mesma profissão de fé do centurião citado nessa passagem bíblica. Nós, consagrados da Canção Nova, que vamos à Missa todos os dias, também dizemos: "Senhor, não sou digno de que entreis em minha casa, mas dizei uma palavra e serei salvo". Ninguém comunga para ser pior ou para curtir a vida, mas para que Deus o transforme, mude o seu temperamento de modo a ser uma criatura melhor.

Tudo é permitido, mas nem tudo é oportuno. Tudo é permitido, mas nem tudo edifica. Ninguém busque o seu interesse, mas o do próximo. Comei de tudo o que se vende no açougue, sem indagar de coisa alguma por motivo de consciência. Do Senhor é a terra e tudo que ela encerra. Se algum infiel vos convidar e quiserdes ir, comei de tudo o que se vos puser diante sem indagar de coisa alguma por motivo de consciência. Mas se alguém disser: Isto foi sacrificado aos ídolos, não o comais, em atenção àquele que o advertiu e por motivo de consciência. (1Cor 10,23-28)

A comunidade de Corinto ia para a celebração da ceia a fim de comer e depois ia embora, pois queria apenas um momento social e não respeitava a celebração em si. São Paulo começa então a orientá-los, dizendo-lhes o mesmo que o Senhor nos fala: "Isto é meu corpo, isto é o meu sangue". Quando o Senhor entra em nós por meio da Eucaristia, Ele quer ver o que está fora de ordem em nosso coração para limpar as "tranqueiras", as sujeiras, o "matagal" que tem dentro dele. Deixe o Senhor fazer uma faxina em sua vida, pois Ele quer transformar o seu coração.

Em verdade, em verdade vos digo: quem crê em mim tem a vida eterna. Eu sou o pão da vida. Vossos pais, no deserto, comeram o maná e morreram. Este é o pão que desceu do céu, para que não morra todo aquele que dele comer. Eu sou o pão vivo que desceu do céu. Quem comer deste pão viverá eternamente. E o pão, que eu hei de dar, é a minha carne para a salvação do mundo (Jo 6, 47-51).

Essa é a pregação mais contundente que Jesus fez. Se nós guardássemos esta Palavra para o resto de nossas vidas na cabeça e no coração, não teríamos tantos doentes, tantos fracos, tantas desgraças diante de nós. Este é o remédio que vem do céu para a nossa vida. E como o temos dispensado!

Os pais precisam ir à santa Missa todos os dias e levar seus filhos, mostrando-lhes o verdadeiro caminho: Jesus Cristo. Só com Deus seus filhos vão ser bons exemplos, pois se você O “semeia” no coração deles, eles só poderão dar frutos bons!

Quero dar um testemunho: No mundo existem 170 milhões de pessoas que contraíram o vírus da Hepatite C. No Brasil são mais de 3 milhões com essa enfermidade, mas a maioria não sabe que tem essa doença, e uma delas era a minha mãe. Temos vivido um verdadeiro “calvário” desde que, tardiamente, descobrimos que ele sofria desse mal. Por causa de uma gravidez mal sucedida há alguns anos, em que ela quase perdeu o bebê, minha mãe precisou fazer uma transfusão de sangue e assim adquiriu o vírus.

Eu disse isso porque minha mãe tem essa doença, um vírus que está se multiplicando dentro dela, mas ela não entrou em depressão, não culpou Jesus nem se revoltou contra Deus. Ela tem 63 anos e vai à Missa todos os dias, comungando do Corpo e Sangue de Cristo. Não sei quanto tempo ela vai viver, mas estou vendo um milagre diante dos meus olhos, porque ao mesmo tempo em que ela sente o vírus na própria carne, ela também sente Deus. Isso é vida, pois ela não parou de viver.

Você quer ser feliz? Tenha Deus dentro de você. Mais vale o pouco com Deus do que o muito sem Ele. Seja feliz com o pai e a mãe que você tem, com os seus problemas e doenças. O Jesus que apareceu para o centurião é o mesmo que aparece para você na Eucaristia.

Neste mês da festa do Preciosíssimo Sangue de Cristo, não perca tempo, pois o Sangue do Senhor nos envolve; aproveite!

Para terminar, quero ler uma frase de Santo Ambrósio: "‘Toda vez que o recebermos, anunciamos a morte do Senhor’. Se anunciamos a morte do Senhor, anunciamos a remissão dos pecados. Se, toda vez que o seu Sangue é derramado, o é para a remissão dos pecados, devo recebê-lo sempre, para que perdoe sempre os meus pecados. Eu que sempre peco, devo ter sempre um remédio" (§Catecismo da Igreja Católica, nº 1393).

O Senhor quer estar com você todos os dias. Ele derramou até a última gota de Seu Sangue para que a sua vida dê certo, para que você dê certo.

Quero dizer para a senhora, mãe: agüente firme, os vírus podem aumentar, mas não tenha medo; tenha medo, antes, de não agradar a Deus. Obrigada por seu testemunho, obrigada porque os vírus podem crescer, mas mais do que eles, na sua vida o que mais cresce é a graça de Deus. A senhora me disse tantas vezes na vida: "Deus o abençoe, meu filho!", agora eu digo para a senhora, mãe: Deus a abençoe!

Abra seus braços, solte sua língua na oração dos anjos, queira Deus, deseje-O na sua vida. Permita que o Sangue de Jesus o lave de todos os seus pecados.


Alexandre Oliveira


Missionário da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo