Sede sóbrios e vigiai

Padre Roger Luis
Foto: Natalino Ueda/cancaonova.com

“Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar. Ao qual resisti firmes na fé, sabendo que as mesmas aflições se cumprem entre os vossos irmãos no mundo” (1 Pedro 5:8-9). 

Quanto tempo nós perdemos com nossa vaidade! Até na nossa oração deve haver equilíbrio, porque temos de cumprir nossos deveres como fiéis, pais e profissionais. Os pais não devem ficar na capela orando, por fuga, e não dar atenção aos filhos, deixando-os abandonados. Nem os profissionais devem fazer isso durante o expediente, sendo relaxados no trabalho, usando a oração como desculpa para não trabalhar.

Não estou afirmando que você não deva rezar; apenas estou pedindo que você tenha cuidado com os exageros e os desequilíbrios e tenha discernimento. Não podemos usar a oração para nos esconder e fugir das situações e de nossas obrigações.

O diabo nos pega quando não somos sóbrios! Dobre seu joelho não para adquirir bens materiais, mas para ser próspero diante de Deus! O Senhor cuida de nós por intermédio de situações e de pessoas generosas, só que, se não formos sóbrios, também não saberemos discernir isso de modo correto. Nós estamos sendo enganados! Muitos fiéis que frequentam a igreja, pastorais e grupos de oração estão sendo enganados por falsas religiões e seitas. Só Deus é Onipresente!

A Igreja nos ensina que existem apenas três Arcanjos: São Miguel, São Gabriel e São Rafael. Não existem outros! Nós precisamos ler a Palavra de Deus para ter discernimento e conhecer a verdade e não sermos enganados. E chamar o Senhor para morar em nossa casa.

 

 

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo