Testemunho do Sapo

Sebastião (Sapo) -Comunidade Canção Nova
Foto: Maria Andreia/Cancaonova.com

Meu nome é Sebastião, mas todos me conhecem como Sapo. Sou músico de profissão e consagrado na Comunidade Canção Nova. Hoje, vamos abrir a Palavra em:

"Meu filho, se entrares para o serviço de Deus, permanece firme na justiça e no temor, e prepara a tua alma para a provação; humilha teu coração, espera com paciência, dá ouvidos e acolhe as palavras de sabedoria; não te perturbes no tempo da infelicidade, sofre as demoras de Deus; dedica-te a Ele, espera com paciência, a fim de que no derradeiro momento tua vida se enriqueça. Aceita tudo o que te acontecer. Na dor, permanece firme; na humilhação, tem paciência" (Eclesiástico 2).

Antes de saber que existia essa Palavra, eu passei por muitas humilhações, sofrimentos. Agora, quem está falando para você é um ministro de Deus, pois sou consagrado na Canção Nova e, hoje, tocar para mim está em segundo plano. Um amigo me disse assim: "Então, só vocês da comunidade são consagrados?". Disse para ele que todos o somos pelo batismo. É maravilhoso o que Deus faz por meio de nós!

Minha primeira Missa foi na Canção Nova, quando eu tinha 44 anos.

Numa Quinta-feira de Adoração, eu estava tocando com o Ricardo Sá, animando. Então, apareceu, ao meu lado, o Laércio Oliveira e me falou: "Que caroço é esse aí?" Era um cisto. Ele, então, disse para mim: "Por que você não pede para Jesus curar isso aí? Pede a Jesus para curá-lo!" Eu disse: "Então me ensina como é que se pede!".

"Eu era músico, hoje sou missionário de Deus pela música", explica Sapo."
Foto: Maria Andreia/Cancaonova.com

Eu parei de tocar, apontei o dedo para o Senhor e disse-Lhe: "Jesus, amanhã eu vou ao médico e não quero mais saber desse caroço. Beleza? Eu fui no médico, ele tirou aquele caroço e este nunca mais voltou!

Minha esposa era evangélica. Eu e ela nunca conversamos sobre religião na minha casa. Um di,a após confissão com padre José Augusto, eu descobri que para comungar eu precisaria casar na Igreja.

Em 1992, chegou um menino até mim e falou assim: "Eu vim aprender tocar guitarra com você, porque eu quero cantar com padre Jonas". Então, eu comecei a dar aula de graça para aquele menino, o Alexandre Pivato. Foi por meio dele que conheci a Canção Nova.

Quero dizer ao Rinaldo [integrante da dupla Rinaldo e Samuel]: "Hoje, sou ministro de música por sua culpa". O Rinaldo foi o homem que me ensinou a ser ministro de música, foi ele quem me ensinou a ser músico de Deus.

Trancrição e Adaptação: Cristiane Viana

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo