Abandonar o pecado e viver na graça de Deus

Quando se fala em graça de Deus, fala-se do próprio Deus

Alexandre Oliveira
Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Jesus se revelou a Paulo no caminho de Damasco. Apesar de ser íntimo do Senhor, o apóstolo diz que não se gloriaria por causa disso, por causa dessa visão.

“Baste-te a minha graça”, diz Jesus a Paulo, que entendeu esse recado de Deus para sua vida. Paulo entendeu que sua fraqueza era algo que o levava para o Senhor.

Cuidado para não confundir as coisas! Pois quando falamos de fraquezas, dizemos assim: “Eu vivo caindo nesse pecado, minha fraqueza é esse pecado, é esse vício etc., mas Deus derrama a sua graça na minha vida”. Não é nada disso!

Na carta aos romanos, capítulo 6, São Paulo diz que, quando vivemos no regime da graça, não vivemos no regime da lei; e porque vivemos no regime da graça, devemos caminhar nela”. Ele nos diz também que não podemos fazer com que essa graça de Deus, na nossa vida, seja em vão.

Você sabe qual é a obra mais excelente de Deus? É a justificação, como nos ensina o Catecismo da Igreja Católica. E o que é a justificação? É a salvação. Nós, homens e mulheres pecadores, recebemos a salvação de Jesus por meio da cruz; e, por causa dela, temos a vida divina em nós. Por causa disso, essa é a obra mais excelente do amor de Deus. A graça é o favor gratuito que Deus nos dá para respondermos Seu convite de nos tornarmos filhos de Deus, participantes da natureza divina, da vida eterna.

Quando se fala em graça de Deus, fala-se do próprio Deus. Então, começamos a entender que somos chamados a viver como verdadeiros filhos do Senhor, e quem é verdadeiro filho de Deus experimenta, na sua vida, uma alegria que não passa.

Siga Jesus Cristo pelo resto da sua vida, não O largue, não O solte. Permaneça com Ele, custe o que custar. Estamos vivemos em tempos maus, e virá um tempo de apostasia, onde os homens vão repudiar Deus em vez de adorá-Lo. Não pensemos que estamos livres disso, pois, se não permanecermos no Senhor, podemos cair.

Deus não está procurando pessoas mais inteligentes os mais doutos, Ele está procurando os verdadeiros adoradores, os homens e mulheres que têm a coragem de colocar os joelhos no chão e dizer: “A verdade é uma só, a verdade é Jesus Cristo, Ele é o caminho, a verdade e a vida”.

Não se deixe enganar! Virá um tempo de perseguição, um tempo de prova, e você não será compreendido nem pelos seus, por causa da sua fé. A boa notícia é que Deus jamais abanadona seus eleitos.

Assista um trecho desta pregação:

Leia também: 
:: 
A graça de Deus é para todos!
:: Combatendo a apostasia da fé

Transcrito e adaptado por Paula Dizaró


Alexandre Oliveira


Missionário da Comunidade Canção Nova

Facebook
Twitter

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo