A perseverança nas pequenas coisas, por amor, é heroísmo

Tenhamos a perseverança e a constância em tudo o que nos propusermos a fazer

A perseverança nas pequenas coisas, por amor, é heroísmo

Padre Anderson Guerra de Andrade. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

A santidade está presente nas coisas pequenas do dia a dia, ou seja, onde Deus nos plantou para vivermos um caminho de santidade.  A perseverança é a qualidade daquele que persiste e não desiste diante das dificuldades, é atitude  daquele que tem constância.

Precisamos ter constância nas nossas ações; e ser perseverantes diante das dificuldades. Não importa o que aconteça, precisamos ser constantes com Deus. Temos de ser constantes aos propósitos que estabelecemos para a nossa vida. Quantos propósitos de oração fizemos mas não perseveramos?

É a constância que faz o seu milagre chegar. Observe que temos uma constância em alguns pecados, mas temos muita dificuldade em ser constantes e perseverantes na oração.

Precisamos ser forjados no fogo, assim como uma espada que, para ser feita, é moldada no fogo, nós necessitamos ser moldados pelo fogo do Espírito.

Provação

Deus permite que passemos por provações, porque somos especiais para Ele. Ele dá situações difíceis para os seus soldados mais especiais; e não podemos ter medo de passar pelo fogo da provação. Lembre-se de que: se Deus te colocou numa situação de provação, é porque Ele irá capacitá-lo para vencê-la.

Como Deus vai nos dar uma graça maior, se não somos perseverantes nas pequenas coisas? Sejamos cristãos constantes. Sejamos fiéis nas pequenas coisas que Deus nos dá!

O Senhor trabalha o nosso coração de forma extraordinária, pois, a partir das coisas pequenas, Ele nos dará coisas grandes.

Será que seremos perseverantes até a velhice?

Devemos ser perseverantes e constantes em todas as nossas vocações. É nas pequenas coisas que trilhamos um caminho de santidade. Temos de ter uma constância onde quer que estejamos, seja no relacionamento matrimonial, com Deus, no trabalho, em casa ou fora dela. Não se é filho de Deus somente quando se está na Igreja, Ele é o nosso pai constantemente, então, sejamos constantes com Ele.

Peguemos como exemplo alguns homens da Bíblia, como por exemplo, São Paulo. Ele teve muito sucesso como pregador, mas sofreu muito pelos lugares por onde passou, porém nunca desistiu, foi perseverante até o fim de sua vida.

Jesus é perseverante, porque Ele sempre tentará o salvar! Persevere na sua salvação e seja constante na sua mudança de vida. Por mais difícil que sejam as situações, clame por Deus e não desista!

Não importa o que aconteça, não desista de Deus, da sua família e da sua vocação, mesmo que isso custe lágrimas. Deus nunca abandona os seus filhos diante da tempestade que esteja enfrentando.

Confira também:
.: Deus plantou em nosso coração o projeto de santidade
.: Ser santo com os santos

Amor nas pequenas coisas

Aproveite as pequenas coisas da vida, porque, um dia, olhará para trás e verá que foram grandes coisas. É normal dos seres humanos colocarem os olhos nas coisas grandes e se esquecerem que, diante de tudo o que é grande, existem as pequenas coisas para mantê-los de pé.

São as pequenas coisas que fazem a diferença, porque é o ficará para a eternidade. A grande graça está nas pequenas coisas, naquilo que fazemos onde somente nós e Deus é quem sabemos.  Porém, somos humanos, queremos receber elogios, ser reconhecidos, buscamos os aplausos, porque infelizmente é da vaidade do ser humano. Mas, o que agrada a Deus é que amemos a nossa pequenez.

Nos esforcemos pelas coisas pequenas, desse modo, as grandes coisas serão consequência. Busquemos ficar escondidos, só entre nós e Deus, nos ” escondamos” Sacrário e nos façamos pequenos diante de Deus. A santidade está em cumprir os pequenos deveres, porque tudo que o é grande um dia começou pequeno. 

Cumpra aquilo que Deus lhe pede com amor e simplicidade. Independentemente da Cruz que estamos carregando, perseveremos até o final, ou seja, não fiquemos murmurando pela carga pesada, e sim agradeçamos ao Senhor.

O que é heroísmo?

Heroísmo é generosidade, ou seja, é ter uma alma grande. O herói tem a alma grande e não se contenta com as coisas erradas, em ver algo errado e “ficar quieto”. Aquele que tem a alma grande, não se contenta em fazer coisas pequenas de qualquer jeito, pois, não se pode confundir o fazer coisas pequenas com fazer as coisas de qualquer jeito, ao contrário, é fazer tudo (das menores coisas às grandes) com amor.

Que a partir de hoje tenhamos uma alma grande, abracemos todas as coisas e aprendamos a carregar os fardos com amor.

Transcrição e adaptação: Alessandra Borges

Banner do canal PlayCancaonova no Youtube

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo