O Sangue de Jesus tem o poder de transformar nossas famílias

“Jesus é o Cordeiro que resgata nossas famílias com Seu Sangue. Clamemos o Sangue de Jesus sobre as nossas famílias, irmãos e parentes”

o_sangue_de_jesus_tem_poder_de_transformar_nossas_familias

Márcia Corrêa e diácono Nelsinho. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Diácono Nelsinho: Muitas vezes, no jogo de futebol, eles usam a expressão “vamos dar o sangue!”. O sangue é a vida do ser vivo. O homem é constituído de carne e sangue e, por essa razão, é proibido, no Antigo Testamento, nutrir-se com sangue. Tirar a vida significa derramar sangue.

Jesus nos deu a vida por meio de Seu Sangue. Antigamente, isso era chamado de ‘bode expiatório’. A pessoa cometia pecado e matava o carneiro para pagar a culpa. No Antigo Testamento, o sangue era bebido. Já no Novo Testamento, o Sangue de Cristo é aquele que foi derramado.

Márcia Corrêa: Jesus nos mostra que, no Antigo Testamento, era como que “olho por olho, dente por dente”, mas, no Novo Testamento, Jesus dá um novo sentido ao nos mostrar que este Sangue tem o poder de transformar as nossas famílias. O Sangue de Jesus é a Nova Aliança para expiar os nossos pecados.

Diácono Nelsinho: Na Missa, o padre diz: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. Jesus é este Cordeiro inocente, sem mancha, que não tem culpa, mas se entrega por nós.

Pelo Sangue de Cristo, nós e nossa família somos justificados. O Sangue de Cristo perdoa os nossos pecados. O amor de Jesus é maior do que os seus pecados. Se você se afastar da Eucaristia, por causa dos seus pecados, você o coloca acima de Jesus.

Quando eu fiz essa música ‘Sacramento da Comunhão’, ia à procissão da comunhão e dizia para Deus: “Senhor, eu pequei, mas eu vou comungar”. Depois confessava e comungava.

Como você vai reagir com as pessoas da sua família? Como atitudes do Antigo Testamento ou do novo? Vai pagar mal com mal? Você quer o Sangue do seu irmão ou você quer que o Sangue de Cristo, que perdoa todos os pecados? Por que há muitos irmãos que não falam com o outro irmão? Às vezes, é briga por causa de terra e de dinheiro. Quando fazemos isso, estamos dizendo que não queremos o Sangue de Cristo, mas o sofrimento do outro.

Quantos pais amaldiçoaram seus filhos! “Você morreu para mim!” ou “Você é uma maldição!”. Quantos filhos não conversam com os pais há anos! Pelo Sangue de Cristo a nossa família é justificada.

Se você não perdoa os seus parentes, como Jesus vai perdoar você? “Quem odeia seu irmão é assassino”, (João 3,15). Outro dia, uma moça disse para mim: “Meu irmão morreu para mim”. Eu perguntei para ela: “O seu coração é cemitério?”. O cemitério é terra contaminada, infectada. Será que está assim a terra do seu coração?

o_sangue_de_jesus_tem_poder_de_transformar_nossas_familias

Fiéis participam da Quinta-feira de adoração na Canção Nova. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

“Pelo Sangue de Jesus obtemos a redenção e perdão de nossas faltas”,(Ef 1,7).
Jesus derramou Seu Sangue inocente, mas o que ele fez para morrer? Nós estávamos longe de Deus e, por meio do Sangue dele,  voltamos para ele. Nós temos irmãos árabes que são muçulmanos e não são todos que aprovam. Em muitos lugares, cristãos e muçulmanos vivem tranquilos. Estamos na ignorância de viver “sangue por sangue, olho por olho”.

Márcia Corrêa: É dentro da Igreja que você vai poder rezar com seus filhos. Deus está confiando a você esta missão hoje. Você é a pessoa que o Senhor escolheu para estar perto d’Ele para trazer os que estão afastados para perto dele. Às vezes, é um pai ou uma mãe, seus filhos que estão longe de Deus. Mas hoje Deus chama você para estar perto do Senhor, para arrebanhar toda a sua família para perto dele. São José em sonho sabia levar a sua família para perto de Deus. Isto também é função do homem, do pai.

Diácono Nelsinho: Pais, não peguem a Bíblia nem fiquem dando lição de moral. A bíblia precisa chegar ao coração das pessoas. A minha vó dizia: “Edução é como rapadura, doce, mas é dura”. O mundo está confundido os nossos filhos. Os filhos estão sem referência de pai e mãe. A correção é necessária, mas com amor.

Márcia Corrêa: Você precisa levar os seus filhos para perto de Deus, ensinar a eles o que é certo e o que é errado. Hoje, tudo é muito relativo. Na conversa com seus filhos, ensine o que é importante, o que não dá futuro.

Diácono Nelsinho: Se você serve na Igreja, mas não em casa, que exemplo você dá aos seus filhos? Quando faz uma comida gostosa, eles sabem que você os ama. Quando o pai vai buscar o filho na escola, este pensa: “Filho, eu estou com você!”. Qual é o seu jeito de mostrar carinho para os seus filhos? O importante é amá-los e amar a Deus. São Francisco disse: “Evangelize sempre! Às vezes, use as palavras”.

Já tem ódio demais no mundo! Cristãos sendo metralhados e crucificados como Jesus. Voltemos à paz! Não queira derramar o sangue do outro. Jesus quer a paz, e Ele já deu o Seu Sangue para nos restabelecer. Jesus quer estabelecer a paz.

Márcia: Às vezes, é preciso ficar quietinho até passar a turbulência. Quando você perceber que dá para falar, peça a Deus o discernimento sobre o que deve dizer.

Diácono: Jesus é o Cordeiro que resgata as nossas famílias com o Seu Sangue. Clamemos o Sangue de Jesus sobre as nossas famílias, os nossos irmãos e todos os parentes, inclusive as pessoas com as quais nos relacionamos. Clame o Sangue de Cristo.

Transcrição e adaptação: Jakeline Megda D’Onofrio.

Adquira esta pregação pelo telefone: (012)3186-2600

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo