Perdão e reconciliação, via de conversão

Paula Guimarães. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

Paula Guimarães. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

O tema proposto para essa pregação é: “Perdão e reconciliação, via de conversão”.

A Palavra meditada está em São Mateus 18, 21-35: “Então Pedro se aproximou dele e disse: Senhor, quantas vezes devo perdoar a meu irmão, quando ele pecar contra mim? Até sete vezes? Respondeu Jesus: Não te digo até sete vezes, mas até setenta vezes sete. Por isso, o Reino dos céus é comparado a um rei que quis ajustar contas com seus servos. Quando começou a ajustá-las, trouxeram-lhe um que lhe devia dez mil talentos. Como ele não tinha com que pagar, seu senhor ordenou que fosse vendido, ele, sua mulher, seus filhos e todos os seus bens para pagar a dívida. Este servo, então, prostrou-se por terra diante dele e suplicava-lhe: Dá-me um prazo, e eu te pagarei tudo! Cheio de compaixão, o senhor o deixou ir embora e perdoou-lhe a dívida. Apenas saiu dali, encontrou um de seus companheiros de serviço que lhe devia cem denários. Agarrou-o na garganta e quase o estrangulou, dizendo: Paga o que me deves! O outro caiu-lhe aos pés e pediu-lhe: Dá-me um prazo e eu te pagarei! Mas, sem nada querer ouvir, este homem o fez lançar na prisão, até que tivesse pago sua dívida. Vendo isto, os outros servos, profundamente tristes, vieram contar a seu senhor o que se tinha passado. Então o senhor o chamou e lhe disse: Servo mau, eu te perdoei toda a dívida porque me suplicaste. Não devias também tu compadecer-te de teu companheiro de serviço, como eu tive piedade de ti? E o senhor, encolerizado, entregou-o aos algozes, até que pagasse toda a sua dívida. Assim vos tratará meu Pai celeste, se cada um de vós não perdoar a seu irmão, de todo seu coração”.

Você precisa perdoar e receber perdão?

Perdoar não é uma tarefa fácil, mas a vida é uma contínua experiência de perdoar e ser perdoado. A pessoa que não perdoa  paralisa sua vida. O nosso coração é como uma casa, se deixamos juntar ódio, mágoa, ele vai paralisar. Coração que não perdoa é coração que se arrasta!

Pedro, na Palavra de São Mateus, pergunta a Jesus: “Senhor, quantas vezes devo perdoar?” E Jesus responde a ele: “Infinitamente!”.

A direção de Jesus para a nossa vida é: “Filho, você deve perdoar infinitamente, até setenta vezes sete, perdoar todas as vezes que alguém o magoar!”.

O Senhor, em Sua Palavra, está nos dando uma ordem, uma direção: perdoar infinitamente. Quando perdoamos alguém, é como se estivéssemos com uma folha de cobrança nas mãos, e, após perdoar essa pessoa, rasgássemos a folha. O projeto que Deus tem para nós é de alegria!

Não temos o direito de pagar o mal com o mal. Nós podemos nos defender, ficar espertos, mas jamais nos vingar. No céu só entra quem estiver em paz com Deus e com os irmãos.

"A falta de perdão é sinal de fraqueza. Busquemos a misericórdia de Deus para a nossa vida!", diz Paula Guimarães. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

“A falta de perdão é sinal de fraqueza. Busquemos a misericórdia de Deus para a nossa vida!”, diz Paula Guimarães. Foto: Wesley Almeida/cancaonova.com

É tempo de reconciliação e o melhor caminho para a nossa alma ser limpa é irmos a um sacerdote.  Colocar regras ou limites em nossa vida é uma forma de amadurecimento. Nós precisamos nos rever, observar onde precisa haver perdão. Faça um exercício, pense na pessoa de quem você tem sentido ódio, mágoa, de quem você tem pensando coisas ruins. Deus quer curar a ferida que alguém causou em você. Para perdoar é preciso muita coragem, pois o perdão é para os fortes!

A falta de perdão é sinal de fraqueza. Busquemos a misericórdia de Deus para a nossa vida. Você topa viver em paz?

“Aquele que quer vingar sofrerá a vingança do Senhor, que guardará cuidadosamente os seus pecados. Perdoa ao teu próximo o mal que te fez, e teus pecados serão perdoados quando o pedires. Um homem guarda rancor contra outro homem, e pede a Deus a sua cura! Não tem misericórdia para com o seu semelhante, e roga o perdão dos seus pecados! Ele, que é apenas carne, guarda rancor, e pede a Deus que lhe seja propício! Quem, então, lhe conseguirá o perdão de seus pecados?Lembra-te do teu fim, e põe termo às tuas inimizades, pois a decadência e a morte são uma ameaça (para aqueles que transgridem) os mandamentos. Lembra-te do temor a Deus, e não fiques irado contra o próximo. Lembra-te da aliança com o Altíssimo, e passa por cima do erro que o teu próximo cometeu inadvertidamente” (Eclesiástico 28,1-9).

Darei três antídotos para você aprender a perdoar:

Primeiro: Deixe de odiar!
Segundo: Não guarde rancor do próximo!
Terceiro: Não leves em conta a falta alheia!

Perdão não é mágica, não é algo que conseguimos de uma hora para outra. Haverá a hora e o momento certo! Precisamos perdoar e, cada vez menos, precisar receber perdão.

Transcrição e adaptação: Karina Aparecida

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo