Unidos em Deus no desejo da libertação

Estejamos abertos as realidades que Deus nos chama a viver nos dias de hoje

Jorge Silva
Foto: Paula Dizaró/cancaonova.com

Precisamos estar abertos as realidades que Deus nos chama a viver nos dias de hoje. Somos bombardeados a todo tempo pelo mundo, e as situações do cotidiano querem nos afastar de Deus.

A Palavra meditada está em Romanos 8, 19-22.

Essa realidade, citada em Romanos, foi escrita aproximadamente há 58 anos antes de Cristo, mas Deus está trazendo para a vida atual que estamos vivendo.

Hoje, muitos retratam o Livro de Gênesis como algo poético. Quantas pessoas pegam o Livro de Gênesis e o trata como algo que não existe, entretanto, ele é o resumo da criação do mundo. Menosprezar esse livro é tirar fora todas as promessas que Deus fez. Do que vale nos taxarmos como cristãos, sendo que a base de tudo é fictícia para nós?

O intelecto humano nos distancia daquilo que Gênesis nos apresenta, mas Deus é persuasivo em Sua sabedoria.

Se o começo e o fim, apresentados nas Sagradas Escrituras, são falsos o que fazemos aqui? O mundo construiu uma controvérsia, não os culpo, mas precisamos compreender. Basta olharmos para os Livros dos Reis, os Salmos e verificarmos no que Deus está se baseando.

Precisamos estar atentos aos detalhes que querem corromper o originário da Palavra de Deus.

A vaidade era evidente na época de Jesus; o povo de Deus tinha por referência distanciar-se d’Ele. Encontramos esses relatos na Bíblia, contudo, não somos diferentes. Temos leis a serem cumpridas, mas muitos de nós não cumprem muitas leis do mundo e muito menos as de Deus.

A vaidade é muito ampla de ser contextualizada, podemos ser vaidosos com aquilo que vestimos. Muitos dizem: “Não usarei essa camisa com botão, porque ela não condiz com o que sou”. Deixamo-nos tomar pela vaidade.

Temos que tomar cuidado porque a nossa fé está em risco. Temos que nos questionar: “Eu tenho fé em Deus? Eu creio que Jesus realmente voltará?”. Imagine Deus te fazendo essa pergunta: “Encontrarei fé entre vocês quando eu voltar?”.

Nos dias atuais está muito difícil se sustentar na fé. Serão dias terríveis, mas não estamos aqui para contextualizar e trazer medos.  

Com o avanço da humanidade, o homem criou muitas coisas, colocando algumas delas no sentindo de dependência de si mesmo e não mais de Deus. O homem criou máquinas para auxiliá-lo, dentro delas têm processos que facilitam as coisas.  

Os sinais que Deus disse que aconteceria no fim dos tempos, estão sendo banalizados. Quantos vezes muitos de nós dizemos: “Isso é o fim do mundo”, isso de fato faz sentido para nós? Ou só dizemos isso por dizer?

O mundo nos traz a vergonha de sermos de Deus, muitos de nós não se portam como filhos d’Ele, não O testemunham. Você quer ser joio ou trigo? Deus disse que no fim dos tempos deixaria o joio crescer junto com o trigo, e que depois ele separaria o joio do trigo.

Assista a pregação em vídeo:



Leia também:
.:Considerai como salvação a paciência do Senhor
.:Alegria no Sofrimento

Transcrição e adaptação: Karina Silva.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo