Vem, Espírito Santo! A história do fim de semana em Duquesne

Patti Mansfield
Foto: Daniel Mafra/cancaonova.com

Clamar pelo Espírito Santo deve ser nossa atitude de fé

Cresci numa família católica, humilde, mas praticante da fé católica; entretanto, apenas na faculdade eu tive a oportunidade de aprofundar minha fé e o conhecimento a respeito da Doutrina da Igreja. Nesse momento, ao estudar Teologia, compreendi que não bastava conhecer Deus intelectualmente, era necessária uma experiência viva.

Comecei, então, a participar de um grupo de estudos bíblicos, era apenas uma iniciante, conhecia muito pouco da Bíblia; entretanto, algo começou a acontecer em mim. Pequenas coisas começaram a se transformar, em especial nos momentos de oração, quando Deus estava colocando em mim o desejo de adorá-Lo.

Deus também deseja que você tenha uma experiência mais profunda com Ele, a fim de que não sejamos apenas ouvintes de quem Ele é, mas que O conheçamos. Quando dizemos estas palavras “eu quero”, isso representa uma entrega ao Espírito, uma demonstração de vontade, para ser usada por Ele. Durante a experiência em Duquesne, pude experimentar um real relacionamento com o Senhor. Naquela oportunidade, compreendi que ainda não havia entregado conscientemente a minha vida a Deus.

O Senhor nos permitiu ter experiências com Ele, eu desejava o milagre e pude sentir a real presença d’Ele. Essa experiência me trouxe temor, tive vontade até mesmo de correr, mas a minha necessidade era maior do que o meu medo, e eu pude clamar a Deus: “Fica, Senhor”. A consciência da graça divina era tremenda e me constrangia, pois eu sentia que não merecia aquilo.

O batismo com o Espírito Santo foi algo que ocorreu de forma espontânea, trazendo línguas, milagres e dons; e assim nasceu a Renovação Carismática, com um grupo de jovens buscando Deus. Hoje, clamamos ao Espírito, para que Ele continue a batizar e renovar Seu povo, não para que seja como em Duquesne, mas algo inteiramente novo! Uma porção dobrada!

Leia também:
A multidão dos fiéis era um só coração
Para onde o Espírito Santo está nos levando?

Transcrito e adaptado por Jonatas Passos


Patti Mansfield


Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.

↑ topo